loader
Viagem Segura fiscaliza mais de 37 mil veículos no feriadão de Ano Novo

Viagem Segura fiscaliza mais de 37 mil veículos no feriadão de Ano Novo

No feriadão de Ano Novo, no qual foi intenso o deslocamento de veículos para o Litoral, a fiscalização da Operação Viagem Segura atingiu 37.326 veículos. Desde a zero hora de sexta-feira (28) até a meia-noite de terça-feira (1º) foram flagradas 12.532 infrações, recolhidos 577 veículos e 281 carteiras de habilitação irregulares.
No combate à alcoolemia ao volante, a Brigada Militar, o Comando Rodoviário (CRBM) e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) realizaram 4.901 abordagens com testes de etilômetro, sendo que 107 condutores não prosseguiram viagem e foram autuados em função do resultado positivo no bafômetro (15 foram enquadrados em crime de trânsito e conduzidos a Delegacias de Polícia). Outros 161 motoristas se recusaram a realizar o teste. Todos sofrerão as sanções administrativas dos artigos 165 e 165-A do Código de Trânsito Brasileiro: multa de R$ 2.934,70 e suspensão do direito de dirigir por um ano (além da retenção do veículo e do documento).
Apesar do esforço conjunto dos órgãos de trânsito para a redução dos acidentes, nos cinco dias da 98ª operação, foram registradas 275 ocorrências nas ruas e estradas gaúchas, que resultaram em nove mortos no local e 234 feridos.
Operação Viagem Segura
Um dos principais programas de segurança no trânsito do Rio Grande do Sul, a Operação Viagem Segura reúne órgãos de fiscalização e instituições parceiras para prevenir acidentes nos feriados e principais datas comemorativas.
Polícia Rodoviária Federal (PRF), Brigada Militar (BM), Comando Rodoviário da BM (CRBM), Detran RS e Polícia Civil reforçam a fiscalização e promovem ações de conscientização com o apoio da ANTT, Dnit, Cetran RS, Daer, EGR, Metroplan e Famurs, além de representantes da sociedade civil organizada, como o Lions Club.
Desde o feriado da Proclamação da República de 2011, quando começou a Operação Viagem Segura, foram realizadas 98 edições, com mais de 5,5 milhões de veículos fiscalizados e 230,4 mil testes de etilômetro aplicados. Foram registradas mais de um milhão de infrações, sendo mais de 20 mil autuações por embriaguez, incluindo as recusas ao teste do bafômetro. A fiscalização também recolheu 92,9 mil veículos e 25,7 mil carteiras de habilitação irregulares.