loader
Tramandaí registra aumenta preocupante dos contaminados pelo Covid-19

Tramandaí registra aumenta preocupante dos contaminados pelo Covid-19

A rede de saúde está sobrecarregada e a taxa de ocupação de leitos está no limite máximo.


Na segunda-feira (1º/03), o secretário da Saúde de Tramandaí, Luciano Saltiel alertou a comunidade sobre a superlotação da rede assistencial da cidade. “Passamos hoje o momento mais grave e severo, desde o início do enfrentamento ao Covid-19. Atingimos índices muito altos de contaminação e contágio – a taxa de ocupação da rede assistencial (nos postos de pronto atendimento, nos leitos de retaguarda de enfermagem e também de UTIs específicas de Covid, passando a capacidade operacional dos Hospitais”, salientou o secretário.
Segundo Saltiel, a Administração Municipal ampliou serviços de atendimento à população, abrindo inclusive, uma Unidade específica no bairro Litoral, na Rua Mario Totta para fazer atendimento de pacientes mais agravados, e contaminados pelo coronavírus. A Unidade do bairro Litoral possui 6 (seis) leitos com respiradores e leitos de observação (todos ocupados). Na UPA Tramandaí há uma Ala Covid que também está com sua capacidade esgotada. “Mesmo prestando atendimento nas duas unidades, estamos com dificuldade para transferir os pacientes para os Hospitais. Há casos em que um paciente está levando até uma semana para conseguir leito nos Hospitais, algo que nunca tinha acontecido antes na nossa gestão. A situação é realmente muito grave e ninguém vai conseguir parar o contágio se não houver o comprometimento de cada cidadão, evitando aglomeração e seguindo os protocolos do distanciamento social”, destacou.
Ainda de acordo com Saltiel, o trabalho de atendimento residencial para os casos de pacientes com sintomas de suspeita de Covid-19 começou em março 2020 com 1 (uma) equipe e, atualmente, já são 6 equipes prestando este serviço. “Nos últimos dias temos recebido cerca de 350 pedidos por dia e não queremos deixar ninguém sem atendimento, por isto o esforço conjunto da administração municipal em reforçar as equipes. É importante que as pessoas façam contato pelo watsapp nos primeiros sintomas de Covid, para não deixar agravar o caso, uma vez que não há mais leitos para os casos graves. Temos que evitar a necessidade de internações”, ressalta o secretário. 
Os contatos de watsapp para envio de mensagem para solicitar atendimento domiciliar, são: (51) 996.736.373 e (51) 995.270.253