loader
Mais de 950 pacientes faltaram a consultas e exames oferecidos pela Prefeitura em maio

Mais de 950 pacientes faltaram a consultas e exames oferecidos pela Prefeitura em maio

Uma das maiores preocupações da Prefeitura é zelar pela saúde dos munícipes. E uma das formas de isso acontecer é a disponibilização de consultas com médicos especialistas, psicólogos e dentistas, além de diversos tipos de exames. No entanto, apesar da oferta ser bastante ampla, o número de pacientes que faltam a estes atendimentos assusta: somente no mês de maio deste ano foram 957 pacientes faltosos, em consultas realizadas dentro e fora da cidade, exames e atendimentos da Academia da Saúde.
O prefeito Pierre Emerim destaca que a grande maioria dos faltosos não comunica a Secretaria Municipal de Saúde. Isso gera transtornos para a comunidade e para o poder público, já que acabam tirando a vaga de atendimento de outras pessoas. “Isso é um absurdo. Os números deixam a gente assustado mesmo, pois é um grande esforço que fizemos para oferecer o maior número de consultas e exames para termos um resultado de faltas desta dimensão”, afirma o prefeito Pierre Emerim.
“Quase mil pessoas que deixam de comparecer. É um dado que nos entristece. O mínimo que estas pessoas deveriam fazer é comunicar-nos com antecedência, pois só assim temos como chamar aqueles que estão na fila aguardando o atendimento”, complementa o secretário municipal de Saúde, Tierres da Rosa.
Somente com as consultas dentro da cidade foram 908 faltas, somadas a 11 consultas de fora de Imbé, 29 exames e nove atendimentos da Academia da Saúde. Apenas no Centro de Fisioterapia não ocorreram ausências nos atendimentos.