loader
Agressor é encaminhado a Delegacia de Polícia de Capão da Canoa

Agressor é encaminhado a Delegacia de Polícia de Capão da Canoa

Nesta quinta-feira (22) o Conselho Tutelar de Capão da Canoa entrou em contato com a Patrulha Maria da Penha em razão de violência doméstica. Mãe e filha menor estavam em via pública, à vítima com hematomas pelo rosto e corpo e debilitada. A mulher estava perturbada em razão das agressões. Os policiais militares localizaram o agressor, de 23 anos, o qual foi conduzido para a Delegacia de Polícia. No local foi acionada a advogada do Projeto MAM (Mulheres ajudando Mulheres) para atendimento jurídico à vítima. A Delegada de Polícia concedeu Medidas Protetivas e a vítima e a menor receberam acolhimento via Prefeitura Municipal.