loader
826 pacientes faltaram a consultas e exames marcados em junho

826 pacientes faltaram a consultas e exames marcados em junho

O número de pacientes que não comparecem a consultas especializadas e exames agendados reduziu, mas mesmo assim é considerado grande pela Secretaria Municipal de Saúde. Conforme informações da pasta, no mês passado foram 826 ausências, contra 957 em maio.
Segundo os dados, a Unidade Básica de Saúde de Mariluz foi a que mais apresentou ausências: 266, sendo 84 somente de clínico geral. Nesta especialidade são oferecidas 440 consultas por mês. Em segundo lugar aparece a Unidade de Atendimento Especializado de Albatroz com 257 ausências, sendo 123 consultas com psicólogo (são oferecidas 366 vagas). Na Unidade de Saúde 24 Horas foram 209 ausências, a maioria delas para clínico geral: 52 para 351 vagas oferecidas.
Na contramão destes números, aparecem as consultas agendadas no Centro de Fisioterapia Municipal, onde não foram registradas faltas, a exemplo do mês de maio.
O prefeito Pierre Emerim atribui a redução nas faltas a uma forte campanha de divulgação, com cartazes fixados nas unidades que informam o total de faltosos, aliado a divulgação nas redes sociais e meios de comunicação locais. “A redução é abaixo do que esperamos. Reforço o apelo para que as pessoas que não puderem comparecer: avisem a Secretaria de Saúde, pois assim poderemos chamar as pessoas que aguardam há mais tempo”, diz.
O secretário Tierres da Rosa lembra que os pacientes devem manter os telefones de contato sempre atualizados, pois muitas vezes não é possível fazer contato.