Estrutura inicial do Campus terá quatro salas de aula, uma biblioteca e o gabinete para os professores 

As inscrições para o vestibular do Campus Litoral Norte da UFRGS - Universidade Federal do Rio Grande do Sul abrem na sexta-feira (1º/2), a previsão é que as aulas iniciem na segunda quinzena de setembro. Esta é uma grande oportunidade para os moradores de Litoral, que irão dispor de cursos superiores inteiramente gratuitos.
Com a proximidade do início das aulas, muitas ainda são as dúvidas sobre a estrutura que será oferecida pela UFRGS neste segundo semestre, entre elas, aparece o processo de seleção, o andamento da construção do Campus Litoral na RS030 e também sobre o curso de Bacharelado Interdisciplinar em Ciência e Tecnologia, pioneiro no Estado.
Vestibular
O vestibular se dará em datas diferentes este ano. Para o curso de Bacharelado Interdisciplinar em Tecnologia, as provas serão realizadas no dia 31 de agosto, nas cidades de Imbé e Tramandaí, durante os turnos matutino (redação, língua portuguesa, literatura e língua estrangeira) e vespertino (biologia, química, física, história, geografia e matemática). O Manual do Candidato, com as informações sobre as provas e o processo de seleção, estará disponível a partir de 1º de agosto, no site da Comissão Permanente de Seleção (Coperse).
Já par ao curso de Licenciatura em Educação no Campo, as provas serão aplicadas no dia 7 de setembro, às 14h30, compreendendo Redação e Língua Portuguesa (25 questões), nas cidades de Imbé e Tramandaí. A documentação necessária para concorrer às vagas reservadas às ações afirmativas está disponível na página da Coperse. O edital de seleção para este curso oferece estas 120 vagas para o Campus Litoral Norte.
Estrutura do Campus UFRGS
Segundo a diretora acadêmica do Campus Litoral Norte, Liane Ludwig, o curso irá iniciar com quatro salas de aulas concluídas, duas para 80 alunos, e outras duas que acomodarão 40 alunos. Além disso, já haverá no Campus o gabinete dos professores para atender a parte acadêmica, sendo que o setor administrativo, em um primeiro momento funcionará na Colônia de Férias da UFRGS. O início das aulas também contará com uma biblioteca que será ampliada no decorrer do tempo. Durante o semestre serão concluídas as instalações do refeitório. E as obras seguirão ainda por tempo indeterminado.
Refeições
De acordo com a nutricionista Juliana da Costa, a alimentação no Campus Litoral Norte seguirá o padrão da Universidade, oferecendo refeições com alimentos como arroz, feijão, algum tipo de carne e salada, porém o método será diferente. “Não haverá uma cozinha no local, pois a comida será fornecida por uma empresa, que será licitada”, enfatiza.
O valor da refeição é subsidiado, por tanto, cada estudante poderá se alimentar de forma saudável por um baixo custo, conforme ocorre nos demais Campus da UFRGS.
Cursos
Em um primeiro momento a UFRGS oferecerá a opção de dois cursos são 90 vagas para o Bacharelado Interdisciplinar em Ciência e Tecnologia (BICT); e 120 para a Licenciatura em Educação do Campo - Ciências da Natureza.
As maiores dúvidas são em relação ao curso Interdisciplinar em Ciência em Tecnologia, este segundo a diretora acadêmica Liane, poderá ser concluído em três anos e envolverá as disciplinas básicas de matemática, química e física e ainda disciplinas na área da tecnologia. Liane explica que depois de concluído o curso de graduação o aluno estará apto a assumir postos de trabalho que requeiram uma formação superior sem exigência de uma qualificação profissional específica, sendo assim, o estudante poderá prestar concursos públicos e eventuais pós-graduações. Ainda haverá a opção em cursar mais 2 anos, ou 2 anos e meio, para fazer um curso profissionalizante dentro do Campus UFRGS Litoral nas áreas de geografia e engenharia.
De acordo com informações da Universidade, o curso de Licenciatura em Educação do Campo – Ciências da Natureza terá 4 anos de duração, com regime de Programa Especial de Graduação e ingresso único neste semestre. A licenciatura é dirigida a profissionais que já atuem no sistema público de ensino, em Escolas Públicas, em Escolas Família Agrícola ou em Escolas mantidas por instituições comunitárias, prioritariamente situadas no ambiente rural ou que atendam a estudantes do meio rural dos  municípios do Estado do Rio Grande do Sul que constam em cada Projeto Político Pedagógico. A proposta de formação docente está alicerçada na interdisciplinaridade e na Pedagogia da Alternância, que inclui tempo de estudos em sala de aula e de atividades junto à realidade escolar própria de cada um.
A diretora acadêmica Liane ainda fala sobre a responsabilidade da UFGRS com o Campus Litoral Norte, e chama os estudantes da região abraçarem essa ideia.
“Esta é uma proposta nova, em um Campus novo, mas estamos tendo o maior cuidado com a implantação de cada detalhe e tanto os servidores quanto os professores possuem alta qualificação profissional. Estamos trabalhando com o corpo docente padrão UFRGS, por isso, esta é uma grande oportunidade para os estudantes da região”, conclui Liane.

 

Publicado em Tramandaí
Sexta, 01 Agosto 2014 19:27

Imbé recebe equipamentos do Estado

Na manhã desta terça-feira (29) Imbé recebeu kit com mobiliários e equipamentos de informática, dentro do programa para o fortalecimento dos Organismos de Políticas para as Mulheres (OPMs), iniciativa do Governo do Estado, através da Secretaria Estadual de Política para as Mulheres (SPM). O vice-prefeito Ique Vedovato e a equipe da Secretaria Municipal da Mulher e Direitos Humanos (SEMDHI) representaram o Município no ato. O repasse faz parte de um convênio com a SPM Nacional, com investimento de aproximadamente R$ 22 mil para cada um dos 30 kits entregues. A solenidade ocorreu na Casa do Gaúcho, no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio. A titular da SPM, Ariane Leìtão participou do ato, que contou ainda com a presença de outras autoridades dos governos do Estado e Federal
Entre os materiais recebidos, estão: dois computadores, três armários, uma câmera digital, três mesas de trabalho, uma TV LCD, três cadeiras giratórias, 10 cadeiras fixas, três estantes, uma impressora, uma mesa de reunião, um arquivo de aço, um DVD, dois estabilizadores e um projetor multimídia.

Publicado em Imbé

Na segunda-feira (28) ocorreu o primeiro encontro do grupo de trabalho para delinear a I Conferência Municipal da Industria, Comércio e Serviços de Imbé. Representantes do CDL, CIEE-RS, SENAC-FECOMERCIO, Departamento de Cidadania e Participação popular, juntamente com a Secretaria Municipal de Turismo, Desporto, Indústria e Comércio, coordenados pelo diretor do Departamento de Indústria e Comércio, Joao Batista Maria, debateram as demandas direcionadas para o evento.
João Batista diz que o debate servirá para gerar proposta e regrar as praticas, soluções simples e objetivas, legalidade e seus desdobramentos. “Vamos organizar uma conferencia do tamanho que o nosso comercio, indústria e serviços necessita, ouvindo muito e construindo com parceiros, com foco no desenvolvimento da nossa economia”, disse o diretor.
Neste primeiro encontro foi traçado plano de parceria entre executivo, CDL, SENAC-FECOMERCIO e CIEERS, os quais se manifestaram entusiasmados e muito positivos sobre a iniciativa da gestão municipal. Na próxima semana haverá novo encontro para o inicio da estruturação da conferência e definição da data de realização.

Publicado em Imbé

O descarte de resíduos sólidos, como os da construção civil e os de podas de árvores, podem ser feitos com auxilio da prefeitura. O biólogo da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Pesca (SEMMAP), Pedro Terra Leite orienta sobre o descarte correto destes materiais. “Há dois locais em Imbé para o descarte de resíduos sólidos. Um deles é a Centro de Resíduos, localizada no Bairro Nova Nordeste. Há, também, a Central de Transbordo nos fundos do parque de máquinas próximo a Secretaria Municipal de Obras e Viação”.
Os usuários do serviço devem estar atentos, pois para até um metro cúbico de resíduo descartado não há pagamento de taxas, porém acima desta metragem haverá cobrança de taxa para o transporte até o local do transbordo.

Publicado em Imbé

A Secretaria Municipal da Mulher e Direitos Humanos (SEMDHI) informa que as inscrições para as atividades do projeto “Sábia Idade – Viver Sem Limites” para o segundo semestre, serão realizadas entre os dias 4 e 8 de agosto no período da manhã nas novas instalações da Secretaria junto ao prédio anexo da prefeitura (AvenidaParaguassú, 2017 – Centro). As atividades iniciam no dia 11 de agosto com as aulas de ginastica na sede do projeto. Mais informações pelo telefone 3627-8528. Os documentos necessários para inscrição são: RG, CPF, Título de Eleitor, Cartão do SUS, comprovante de residência e atestado médico liberando para a prática de atividades físicas. A idade mínima para participação é 55 anos.
As atividades do semestre passado encerraram na última sexta-feira (18), durante a tarde de sensibilização ao “Dia Municipal de Incentivo à Saúde Mamária”. Eles realizaram apresentações artísticas de dança, canto e gaita.

Publicado em Imbé

A Secretaria Municipal de Saúde está com atendimento de dentista nos postos 24h e Santa Terezinha. Esse atendimento acontece com agendamento feito no local pelo paciente. As consultas ocorrem da seguinte forma:
- Posto Central 24h: segundas, terças e sextas o dia todo, quarta-feira pela manhã o agendamento pode ser feito nas quintas-feiras a partir das 13h30min no posto.
- Posto de Santa Terezinha: segunda à quinta das 8h às 17h30min, o agendamento é realizado nas sextas-feiras às 9h.
Para o agendamento é necessário levar o cartão SUS e um documento de identificação com foto.

Publicado em Imbé

Famílias dos bairros Asa Branca, Pólo Industrial e Quadra 2 do Balneário Ipiranga devem receber as escrituras dos seus terrenos ainda este ano

Vinte, trinta, quarenta anos, esse é o tempo que muitos moradores de Imbé aguardam para receber a escritura por suas casas. A Administração Municipal através da secretaria de Planejamento conseguiu regularizar uma área do balneário Ipiranga, beneficiando 64 famílias, o novo desafio é acabar com a espera dos residentes nos bairros Asa Branca, Pólo Industrial, Nova Nordeste e quadra 2 do balneário Ipiranga.
Asa Branca
De acordo com o secretário de Planejamento Sonilton Bicca, o balneário Asa Branca era uma área verde, ou seja, pública, que serviu de moradia para as famílias. O Ministério Público cobra soluções da Administração Municipal desde a outra gestão, sendo que as pessoas já haviam sido convidadas a deixarem suas casas, através de uma intimação. Para acabar com esse processo, o prefeito Pierre Emerim precisou do apoio de sua assessoria jurídica e se comprometeu com o Ministério Público em regularizar a área. Hoje, já foi feito o registro dos moradores, o mapeamento do local, e todo o processo burocrático. A previsão é que até o final do ano todos recebam suas escrituras.
Quadra 2 Balneário Ipiranga
Na Quadra 2 do Balneário Ipiranga, cerca de 50 famílias a mais de 30 anos esperam por uma solução do poder público. Bicca conta que no momento está sendo feito o processo de medições e definições topográficas. Após ser resolvida a questão burocrática, a espera estará próxima do fim. A previsão é que ainda este ano as famílias recebam as escrituras.
Área do Pólo Industrial da Nova Nordeste
O secretário explica que esta é uma área de comércio onde há muitas empresas, e os comerciantes esperam a regularizam da área onde trabalham desde 1998. A previsão é que ainda este ano recebam as escrituras dos seus terrenos.
Nova Nordeste
Na Nova Nordeste cerca de 500 famílias esperam por regularização dos seus terrenos, esta era uma área particular de uma empresa, que foi entregue a Prefeitura para saldar uma dívida de impostos como o IPTU, que não estavam sendo pagos regularmente. Segundo Bicca, no local há algumas dificuldades, tais como, venda e disputa por lotes, o que pode atrasar o processo de regularização.
O secretário explica ainda que agora é preciso unificar todos os terrenos para que possam ser encaminhados ao registro de imóveis. No ano que vem a situação deve estar regularizada.

 

Publicado em Imbé

“O mosquito da Dengue” circulou novamente pela Feira do Produtor de Osório, no sábado, dia 26. A equipe de agentes de combate às Endemias, da Vigilância Sanitária e Ambiental de Osório mantém as ações de conscientização aos munícipes e visitantes sobre a positividade do município devido a presença do Aedes aegypti. A equipe ficou bastante satisfeita com a receptividade do trabalho.
Foram distribuídas cerca de 100 sacolas ecológicas para carros “Osório contra a Dengue”, além dos folders orientadores da campanha que ensinam a evitar água parada. Outros folders também foram distribuídos, como a prevenção às doenças de veiculação hídrica, combate aos borrachudos e adesivos pela adoção de cães e gatos.
A Vigilância continua na batalha contra o Aedes aegypti e conta com a colaboração dos proprietários de terrenos na cidade. Esses têm a obrigação de mantê-los limpos, assim como a vizinhança não pode jogar lixo doméstico ou restos de construção em terreno alheio. Fomos informados pelos frequentadores da Feira do Produtor, que endereços já visitados pela equipe, voltaram a ter águas acumuladas nos pátios, assim como piscinas que não foram tratadas e movimentadas.
“Precisamos da colaboração de todos, frente ao risco de termos uma primavera com casos de Dengue”, conclui a coordenadora da Vigilância, Anne Marth.

Publicado em Osório

O prefeito Eduardo Abrahão foi presenteado na sexta-feira (25), com verduras cultivadas na Horta Flor do ESF Glória. Adão Boeira, Rafael Machado e Terapeuta Ocupacional, Edinéia Bestetti, que coordena os trabalhos na Horta, durante a visita ao prefeito, falaram sobre o sucesso da iniciativa.
A Horta é resultado de um projeto iniciado em abril de 2010, com participação da comunidade e membros da equipe de saúde. Entre seus objetivos estão: estímulo a uma alimentação saudável, reprodução de mudas para hortas caseiras, integração entre a Estratégia de Saúde da Família - ESF e a comunidade, despertar do sentimento de pertencimento a um grupo, a coleta seletiva do lixo, além da otimização do espaço físico e sua conservação.
Os idealizadores do projeto, contam com a efetiva contribuição das Secretarias Municipais de Agricultura, Obras, Educação e Meio Ambiente, além do apoio do professor Amilton Munari, morador do Bairro e do casal de agricultores Luiz e Almei Munari, de Maquiné.
O projeto da Secretaria Municipal de Saúde está sob a responsabilidade da ESF e comunidade do Bairro Glória.

Publicado em Osório

No início desta semana, em Osório, na localidade da Baixada, ocorreu a primeira capacitação do ano para qualificação das famílias de agricultores participantes da Feira do Produtor. O evento faz parte das ações planejadas com objetivo de melhorar e qualificar a feira.
Esta primeira capacitação teve como tema a poda das árvores frutíferas e contou com a parceria da Emater/RS-Ascar, Secretaria de Agricultura e Pecuária e Transpetro, com o Projeto Tenda Itinerante II.
Pela manhã foram apresentadas pelos extensionistas do escritório municipal da Emater de Osório, Pedro Francisco e Claudionir Ávila, a teoria sobre as técnicas da poda, tipos de podas para cada espécie, época apropriada e as diferentes formas de condução das árvores frutíferas da região. Na parte da tarde os participantes tiveram a oportunidade de ver e praticar os conhecimentos que receberam pela manhã, em duas propriedades, na localidade da Baixada e Arroio Grande.
O público presente era formado por feirantes, agricultores das localidades próximas, consumidores, comissão reguladora da feira e técnicos.
Essa atividade faz parte do projeto de qualificação da feira do produtor que ainda prevê, para os próximos meses, palestras sobre legalização de agroindústrias familiares rurais, técnicas de comercialização e uma capacitação no preparo de caldas agroecológicas.
Segundo os participantes, na avaliação do dia, o evento foi muito produtivo para a troca de experiência, o fortalecimento com a comunidade e para desenvolver com mais segurança as atividades nas suas propriedades.

Publicado em Osório
Pagina 1 de 7
Banner Lateral Claro

Banner Agafarma
Bannerbaixo2
ENDEREÇO: TELEFONES: E-MAILS: Desenvolvido por
Rua Siqueira Campos, 432
Tramandaí - RS
51. 3684.3033
51. 3661.3505
 redacao@jornaldimensao.com.br