Sexta, 08 Maio 2015 12:54

Mãe é coisa de Deus

 

Esta semana ouvi uma frase que me fez repensar a importância que uma mãe tem na vida de seus filhos. A frase foi dita por uma adolescente que dizia ter vergonha da sua mãe, pois ela era feia, mal vestida, desleixada e outras tantas coisas que me deixaram assustada e triste ao mesmo tempo. “Eu queria que minha mãe fosse outra”, disse a jovem que, por ainda não ter filhos, talvez não tenha a noção exata do tanto de sofrimento e sacrifícios uma mãe (das boas) é capaz de fazer por seus filhos, e isto independente de qualquer coisa nesta vida. Aí vai a reflexão do dia: NUNCA se envergonhe de sua mãe de jeito e por motivo nenhum, pois esta mulher que te gerou, deu a luz, passou noites em claro, deixou de comer algo pra que você se alimentasse melhor, que se privou da ‘liberdade’ porque tinha um filho (a) pra criar não merece este tipo de tratamento. Imagina o quanto dói o coração de uma mãe ao ouvir de sua filha, uma barbaridade destas? Eu nem consigo imaginar, pois me parece tão cruel, tão sem noção que não alcanço em pensamento. É obvio que existem mães desnaturadas e cruéis, tipo aquelas que jogam seus filhos em lixeiras, que cometem atrocidades contra seus filhos, como vemos nos telejornais, mas não é destas ‘mães’ que estamos falando, pois estas mulheres nem merecem ser chamadas de mães, e aí, cada caso é um caso. Mas quando falamos das mães leoas, dedicadas, incansáveis e que muitas vezes ‘abrem mão’ de suas próprias vidas para verem seus filhos felizes, ah minhas amigas (os), aí não dá pra admitir tanta ingratidão. Sim, porque o nome disto é ingratidão pura e simples, basta olhar pra traz e ver o que seria de nós se não fossem as nossas mães... Quanta fralda trocada (no meu tempo de pano/bécks), quanto amor dispensado incondicionalmente, quanta comidinha feita com todo carinho, quanto colinho gostoso, quantas lições aprendidas durante nosso crescimento, quanto trabalho realizado pra nos dar boa educação, quantas idas ao médico para nos aliviar um sofrimento que, quem é mãe sabe, ela tinha vontade de pegar pra si só pra ver seu pequeno (a) com um sorriso no rosto... Nossa senhora, é tanto que ‘devemos’ pra nossas mães que se fosse relacionar aqui, escreveria uma página inteira. Minhas lindinhas (adolescentes ou não), por favor, repensem este conceito do que é ser uma mãe bacana, pois mãe legal não é aquela que se veste como uma ‘madame’, que fala o português mais correto, que se maquia a cada ida ao mercado e muito menos aquela que é magra e linda. A mãe bacana é aquela que Deus te deu o privilégio de ter sempre ao lado, nas horas boas e ruins, principalmente nas ruins, porque ter uma mãe para chorar contigo é a melhor coisa do mundo (fato). Mãe bacana é aquela que está sempre com os braços abertos pra te dar um afago, fazer um carinho, mesmo que só com um olhar terno (aqueles que só as mães têm). Mãe bacana é aquela que se dedicou desde o teu primeiro chorinho até as lamentações de hoje, sem nunca te cobrar nada, sem alegar nada. Mãe bacana é aquela que te ama incondicionalmente, mesmo que não seja a imagem de mãe perfeita que tu ‘idealizaste’ pra ti. Aliás, se existe algum ser humano que chegou bem perto da perfeição, este ser é a mulher/mãe, por isto, valorize a mãe que tu tens e agradeça cada dia vivido ao lado desta abençoada, pois ela te ama do jeitinho que és e não merece teu desprezo só por não seguir um padrão de beleza ou postura pré-estabelecidos. Nossas mães são nosso maior tesouro (certeza) e eu tenho a sorte de ter a melhor mãe do mundo. Obrigada meu Deus, por ter ‘colocado’ esta linda na minha vida, pois sem ela eu nada seria. TE AMO MÃE (Maria) e isto é pra sempre! Não perca mais tempo e vá agora mesmo até a sua mãe e diga pra ela o quanto a ama, pois este sentimento não tem preço. Bjks, sorrisão no rosto, força na peruca e FELIZ DIA DAS MÃES pra todas as guerreiras do planeta. 

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Banner Lateral Claro

Banner Agafarma
Bannerbaixo2
ENDEREÇO: TELEFONES: E-MAILS: Desenvolvido por
Rua Siqueira Campos, 432
Tramandaí - RS
51. 3684.3033
51. 3661.3505
 redacao@jornaldimensao.com.br